DEPUTADO FEDERAL, JOSÉ GUIMARÃES, PARTICIPA DA SESSÃO NA CÂMARA DE VEREADORES DE CANINDÉ.

Compartilhe esta postagem:

O Deputado Federal, José Guimarães (PT), através de um requerimento apresentado pelo vereador Ilomar Vasconcelos (PT), participou nesta sexta feira (04) de abril, da sessão na câmara dos vereadores de Canindé, para debater e esclarecer sobre a reforma da previdência e outras medidas que é prevista pela governo TEMER (PMDB).

A audiência além de trazer informações relevantes sobre a nova proposta do atual governo, também possibilitou uma maior abertura e transparência sobre o assunto, uma vez que os vereadores presentes puderam debater, esclarecer e opinar sobre esse tema tão polêmico.

Segundo o deputado, José Guimarães, essa reforma é uma “perversidade”, principalmente para o homem do campo, que a partir de então, passaria a aposentar-se com idade equivalente para ambos os sexos, sendo portanto, de 65 anos. “O porquê dessas reformas serem aplicadas apenas na classe baixa, ou seja, nos trabalhadores? Porque não ajustar e cobrar os déficits gerados pelas grandes empresas, que devem bilhões para os cofres da união”, acrescentou o deputado.

“Nós, como deputados federais representantes do povo no congresso nacional, temos que exercer nosso papel, e sobretudo, ser consciente do nosso voto nas medidas tomadas por esse governo golpista e ilegítimo. Vale salientar que a população de Canindé tem que cobrar dos deputados que aqui foram votados e saber como eles estão atuando nessas ações do governo”, abordou o Deputado Guimarães.

Dentre as propostas do governo destacam-se:
O tempo de mínimo de aposentadoria, que passa a ser 65 anos tanto para homens quanto para mulheres. Desse modo, o governo pretende unificar as idades entre os dois sexos. Outra ponto que vale destacar é referente ao tempo de contribuição dos servidores, antes de 35, com a proposta passa a ser 45 anos.

Ainda sobre a sessão desta sexta feira, o deputado, através de uma monção unânime pelos vereadores, se comprometeu em articular junto ao governador do estado, estratégias em caráter de urgência para manter o funcionamento do hospital regional de Canindé. Segundo o deputado, não adianta ficar tampando “buraco” no hospital, tem quer ser realizado, sobretudo, uma atitude resolutiva para o bem da população, que seria a estadualização do hospital, isto é, o mesmo passar a ser mantido através de recursos do governo do estado do Ceará.

Fonte: Setor de Tecnologia da informação da câmara de Canindé.